Fui a uma palestra de Abílio Diniz, um dos mais bem-sucedidos empresários brasileiros. Ele contou que era filho de um padeiro e que sofria bullying na escola.

A diversão da molecada era bater no Abílio.

Hoje ele é um bilionário. E num determinado momento, solta esta pérola:

“Se hoje eu estou aqui, você também pode estar…”

Meu… sabe quando eu vou conseguir estar num lugar como o dele? Nunca. Talvez em outras quatro encarnações. Ou então se eu ganhar sozinho na loteria.

A possibilidade de chegar onde o Abílio chegou, existe. Mas a probabilidade é nula.

Olha, não acho que exista nada de mal em você se visualizar lá na posição do Abílio. Que bom poder usar alguém como ele como referência.

Mas é só como referência.

O que é que ele ensina para mim? Que dá para crescer mesmo sem ser filho de rico. Que é preciso trabalhar pra caramba. Que tem de ter disciplina. Que é preciso agir!

E que tem de ter... sorte.

Pensamento positivo é excelente para focar a nossa energia, nos motivar e abrir o apetite para seguir em frente.

Mas só abre o apetite… tem de comer.

Pensamento positivo não é pensamento mágico. Não faz que as coisas aconteçam do nada.

Pensar positivamente, visualizar onde você quer estar, é como desenhar um mapa. Depois que ele estiver pronto, não basta ficar contemplando. Tem que seguir o caminho. E aí, é disciplina, disciplina, disciplina. Expor-se às oportunidades. Preparar-se e... sorte.

Passei a usar o exemplo do Abílio como uma utopia, aquele sonho ideal que mantêm você em movimento. Provavelmente jamais chegarei lá, mas estarei me expondo às oportunidades. À sorte. O sonho me manterá em movimento e, portanto... vivo!

 

Este cafezinho chega a você com apoio do Cafebrasilpremium.com.br, conteúdo extra-forte para seu crescimento profissional www.cafebrasilpremium.com.br

Share | Download(Loading)