Quando passei dos 50 anos, ciente de que tinha mais passado que futuro, passei a dar valor a cada segundo perdido, a selecionar com muito cuidado para quem ou para quê entrego os minutos preciosos de meu finito tempo de vida.

O tempo que me resta.

E de quando em quando dou uma parada para refletir sobre minhas prioridades, sobre tudo aquilo que deixarei para trás quando meu tempo acabar. Se minha hora chegar, tudo que é prioritário deixará de ser e as coisas que deixei para trás assumirão o primeiro lugar na fila. Mas aí será tarde demais. E isso me dá uma sensação de egoísmo.

Talvez eu esteja, mesmo com boa vontade, pensando demais em mim mesmo, ocupado em sobreviver, ser bem-sucedido, participar de tudo... perdendo a percepção de como estou gastando meu tempo.

Me lembrei então de um artigo chamado “Freedom from Death”, no qual o professor Sidney J. Parnes propõe algumas questões:

1.    O que é que eu quero fazer, ter ou conquistar?

2.    O que é que eu gostaria que acontecesse?

3.    O que eu gostaria de fazer melhor?

4.    Para que eu gostaria de ter mais tempo, dinheiro e energia?

5.    Quais são meus objetivos não atingidos?

6.    O que eu gostaria de organizar melhor?

7.    Quais mudanças preciso fazer?

8.    O que eu gostaria que outras pessoas fizessem?

9.    Com quem eu gostaria de passar mais tempo?

10.                      Que mudanças sinto nas atitudes de outras pessoas?

É uma introspectiva para revisão de prioridades, que talvez lhe anime a deixar as coisas mais arrumadas caso um dia o imponderável chegar.

 

E o primeiro passo ficou muito claro: livre-se das companhias que só destilam o ódio. Reais ou virtuais. Saia dessa merda de rede social, vá fazer algo útil, carpir um lote, lavar uma louça, arrumar seu quarto, construir ou produzir algo que valha a pena. Escreva um livro, ensine alguém, construa algo!

 

Pronto!

 

Você deu o primeiro passo para fazer com que o tempo de vida que lhe resta, valha a pena.

 

Este cafezinho chega a você com apoio do Cafebrasilpremium.com.br, um MLA – Master Life Administration, que ajuda a refinar sua capacidade de julgamento e tomada de decisão. www.cafebrasilpremium.com.br

Share | Download(Loading)